Oii, tudo bem? Então, você tem alguma dica de como transmitir mais seriedade na escrita? É que eu queria escrever um romance beem dramático e sinto que não tô colocando a carga de drama suficiente, só que eu não sei o que fazer pra deixar mais dramático e intenso, e também mais sério.

Tudo sim e você?

Bem, eu diria que a primeira coisa a fazer é analisar quais emoções você quer empregar, e qual é essa carga dramática. É amor? Terror? Angustia? Ansiedade?

Depois de decidir isso, precisamos de intensidade. A melhor forma é o “mostrar e contar” ou “show, don’t tell”.

Como exatamente você vem contando sua história? Precisamos de um pouco de contar? Sim, porém, a maior parte da história deve ser mostrada, entende?

O que torna as coisas mais intensas é mostrar na pele do personagem o que ele vive e como ele se sente, nunca esquecendo que as pessoas e ambiente ao redor dele fazem toda a diferença. Se for possível, use situações que você viveu. Como você se sentiu quando estava angustiada(o)? Como você reagiu nesses momentos? Quais foram seus pensamentos nesse momento? O segredo não é descrever essas situações e sim usar o que você sentiu nesses momentos para tornar seu enredo mais intenso. O truque é se deixar sentir e tentar transmitir para o papel tudo o que você puder.

É importante que façamos também poucos monólogos internos. Sabe quando o personagem fica pensando e contando coisas da vida dele? É o que precisamos evitar, porque quando ele faz isso não está interagindo com a ambientação ou outros personagens, e sim apenas está preso dentro de sua própria cabeça.

Então, para resumir, precisamos definir qual é essa emoção dramática, abordar a história da forma certa e não nos esquecermos do mundo ao redor do personagem.

Se você quiser saber mais, é só procurar no blog, tenho alguns posts sobre contar e mostrar. É uma técnica muito importante. Se você ainda não conseguir melhorar seu texto, quer dizer que falta experiencia de leitura. Quais os tipos de textos que você costuma ler? Pois o que você lê, te influencia e te ensina. E se você não costuma, é bom adotar esse habito. É algo importantíssimo para um escritor.

Se eu puder te ajudar em algo mais especifico, fica a vontade para mandar outra pergunta.

Até mais,

Ana.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.