Oiii, então, eu tenho uma história toda planejada, mas não consigo levá-la à diante. Tô com uma indecisão muito grande entre escrever em primeira ou terceira pessoa. É um romance que eu gostaria que fosse muito intenso, e inicialmente eu pretendia escrevê-lo em terceira pessoa, inclusive tenho dois capítulos escritos assim, mas sinto que não tá do jeito que eu quero… Eu pensei em escrever em primeira também, mas eu queria muito desenvolver o relacionamento familiar do personagem masculino e não acho legal ficar alternando o narrador. O que você acha???

Como vai? Então… eu estive pensando nisso. Tecnicamente, eu não sei, mas pessoalmente… depende. Depende do seu objetivo. Pense assim, estamos vendo pelo foco de uma câmera e nessa câmera é mostrada a nossa história, é o que seria o foco narrativo, certo?

Em primeira pessoa, esse foco estaria sempre sobre o protagonista. Geralmente em 1ª pessoa o ponto de vista fica apenas com essa pessoa; ela só tem um lado dos fatos e não podemos confiar nela já que ela vê o mundo de uma forma bem pessoal.

Em terceira pessoa, o foco é bem mais dinâmico, dando para ver a situação como um todo, o narrador, que não é o personagem, sendo na maioria das vezes onisciente; ele sabe de tudo e vê tudo, guiando o leitor e dando todos os lados da moeda. Mas claro que existem outros tipos de narrador em terceira pessoa, o importante aqui é notar que, de fato, em primeira pessoa trazemos os acontecimentos para mais perto, os tornando mais pessoais, já em terceira, temos certo nível de afastamento emocional.

Agora, indo pela minha experiência. Os dois são ótimos, em ambos os casos o texto pode ser ficar intenso e íntimo. Para mim, o mais difícil é escrever em primeira pessoa porque pode ficar algo infantil, sabe? Ou parecer que o personagem fica falando sozinho o tempo todo.

Então, para resumir. Escrever em terceira pessoa fica mais fácil para inserir monólogos. Também depende de costume e prática. Qual você está mais acostumado? Às vezes, é só questão de se adequar e se acostumar.

Sobre ficar mudando de POV, não vejo problema em nenhum dos dois. O interessante séria separar POV por capítulos, cada capítulo um personagem diferente. Ou melhor, separar o enredo em pequenos arcos e em cada arco um personagem teria o foco narrativo sobre ele.

Enfim, eu te explicaria melhor te mostrando meus textos, mas a questão é que as histórias estão incompletas e quase tudo +18 (a não ser que você queira ler^^). Qualquer coisa me manda uma mensagem no privado ou venha participar do nosso curso no Classroom, quem participa por ele eu não estou cobrando qualquer taxa, além de ter bem mais ferramentas por lá. Se você compartilhar seu texto comigo por lá talvez eu possa te ajudar melhor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.