DIA 74 – Rotina, por que ela é tão importante? #100diasdeprodutividade #dicasexpressas

Olá, como vão todos? Hoje trago algo rápido e que está fazendo uma grande diferença na minha escrita. A bendita da rotina.

Nem sempre ela foi uma amiga bem-querida. Passei grande parte de meus momentos criativos tentando criar uma. Durante um tempo, pensei que eram escritores experientes tentando se gabar e querer que outros nem tão afortunados assim se sentissem mal. Depois fui criando uma pseudo-rotina onde eu escrevia toda semana, achando que isso devia ser o que esses escritores falavam. Agora sei que isso era uma enorme mentira que eu me contava tentando amenizar meu ego ferido. Por que, afinal, se eu era uma escritora, eu não escrevia o tanto que eu deveria?

Só percebi a diferença entre esses estágios nesse mês. Peguei um tema que eu gostava, coloquei a bunda na cadeira e fiz uma promessa, eu iria escrever todo o dia, nem que fosse quinhentas palavras por dia. (E não, não é uma tentativa de vender algo, mas que no futuro pode virar^^)

De fato, deu certo. Em quinze dias escrevi mais 28 mil palavras.

Para ser sincera, eu nem sei como consegui. No começo foi questão de honra, além de eu estar gostando do que estava saindo e também tive pessoas para me apoiar e discutir sobre minha história. Vocês conhecem essas plataformas de fanfics e originais, certo? A minha preferida é a SpiritFanfiction. No começo não tinha muito publico, mas conforme os dias foram passando tomei mais gosto pela coisa. Hoje eu jurei que não ia escrever, já que eu tinha outros enredos que precisavam de atenção, mas aí eu tive aquela ideia e acabei escrevendo, se tornando quase uma obsessão para mim, algo que faz parte do meu dia-a-dia sem que eu precise me forçar.

Então, quando se diz que a rotina é necessária para a vida de um escritor, se deve desenvolver essa mesma prática todos os dias, sem exceção e sem desculpas. Não é quando a inspiração bater ou quando você se sente cheia de energia. Se eu não estiver doente ou passando mal é onde você vai me encontrar, na frente do computador, pesquisando ou escrevendo minhas histórias. Foi o que eu aprendi esse mês, dez anos depois de começar a escrever.

E tudo bem se essa não for sua realidade, todos nós passamos por estágios. O mais importante para mim, é tentar melhorar sempre que possível, é tomar consciência que como escritores e como pessoas temos muito a aprender, e que tentar sair da nossa zona de conforto e fazermos uma forcinha para evoluir sempre é bem-vindo.

Qual a sua relação com a rotina e como ela afeta sua vida? Diga abaixo nos comentários!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.