DICA DO DIA – Tipos de Personalidade

Olá, como vão todos? No post de hoje eu gostaria de falar sobre alguns modelos de tipos de personalidade, uma ferramenta incrível que talvez possa te ajudar a desenvolver as características psicológicas do seus personagens. Porque, vocês sabem, o que passa no interior do seu protagonista deve transbordar para o exterior também.

Os 16 Tipos de Personalidades

Então, para começar, seria interessante dar uma olhada nesse site e descobrir qual o seu tipo de personalidade. O site é 16 Tipos de Personalidade, ele usa o MBTI (que será explicado mais tarde) e a teoria dos cinco grandes traços de personalidade.

Origem

Essa teoria dos 16 tipos de personalidade teria se baseado nos estudos sobre a psicologia analítica que Jung propôs, num artigo específico que se referia pela primeira vez na história a tipos psicológicos, publicado no ano de 1921, porém se baseando apenas nos conceitos mais simples e deixando de lado tópicos como, as funções cognitivas.

O que é?

Uma das formas mais fáceis que eu já encontrei para formar um carácter psicológico. Tudo o que você precisa fazer é ir no site. Ou você dá uma olhada nos artigos e tipos de personalidade ou você pode fazer o texto e descobrir de uma vez qual é o seu ou do seu personagem baseado nas respostas que você der.

Os cinco aspectos da personalidade

Aqui entenderemos quais são os cinco aspectos da personalidade que, quando combinados, definem o tipo de personalidade: Mente, Energia, Natureza, Tática e Identidade. Cada um desses aspectos deve ser visto como um continuum de dois lados, com a opção “neutra” colocada no meio.

Mente

Este aspecto mostra como interagimos com o ambiente:

  • Indivíduos introvertidos preferem atividades solitárias e se exaurem com a interação social. Eles tendem a ser bastante sensíveis à estimulação externa (por exemplo, som, visão ou cheiro) em geral.
  • Indivíduos extrovertidos preferem atividades em grupo e são estimulados pela interação social. Eles tendem a ser mais entusiasmados e mais facilmente animados do que os introvertidos.

Energia

O segundo aspecto determina como vemos o mundo e processamos informações:

  • Os indivíduos presentes são altamente práticos, pragmáticos e práticos. Eles tendem a ter hábitos fortes e se concentrar no que está acontecendo ou já aconteceu.
  • Os indivíduos intuitivos são muito imaginativos, de mente aberta e curiosos. Eles preferem a novidade à estabilidade e se concentram em significados ocultos e em possibilidades futuras.

Natureza

Esse aspecto determina como tomamos decisões e lidamos com as emoções:

  • Pensar nas pessoas se concentra na objetividade e racionalidade, priorizando a lógica sobre as emoções. Eles tendem a esconder seus sentimentos e consideram a eficiência mais importante que a cooperação.
  • Os indivíduos em desenvolvimento são sensíveis e emocionalmente expressivos. Eles são mais empáticos e menos competitivos do que os tipos Pensantes, e se concentram na harmonia e cooperação social.

Táticas

Esse aspecto reflete nossa abordagem ao trabalho, planejamento e tomada de decisão:

  • Os indivíduos responsáveis ​​são decisivos, minuciosos e altamente organizados. Eles valorizam clareza, previsibilidade e fechamento, preferindo estrutura e planejamento à espontaneidade.
  • As pessoas que respeitam são muito boas em improvisar e identificar oportunidades. Eles tendem a ser não-conformistas flexíveis e relaxados, que preferem manter suas opções em aberto.

Identidade

Por fim, o aspecto Identidade sustenta todos os outros, mostrando como estamos confiantes em nossas habilidades e decisões:

  • Indivíduos assertivos ( -A ) são seguros de si, temperados e resistentes ao estresse. Eles se recusam a se preocupar demais e não se esforçam muito quando se trata de alcançar objetivos.
  • Indivíduos turbulentos ( -T ) são autoconscientes e sensíveis ao estresse. É provável que experimentem uma ampla gama de emoções e sejam motivados pelo sucesso, perfeccionistas e ansiosos por melhorar.

Tipos de Grupos

Agora você sabe em que consiste cada tipo. Mas como eles se encaixam?

Nosso sistema possui duas camadas: a primeira (interna) define nossas funções , a segunda (externa) – nossas estratégias .

Funções

A camada de papel determina nossos objetivos, interesses e atividades preferenciais. Existem quatro papéis:

Analistas (tipos Intuitivo e Pensador [_NT_], variantes Assertiva e Turbulenta)

Esses tipos de personalidade adotam a racionalidade e a imparcialidade, destacando-se em debates intelectuais e campos científicos ou tecnológicos. Eles são ferozmente independentes, de mente aberta, obstinados e imaginativos, abordando muitas coisas de uma perspectiva utilitária e muito mais interessados ​​no que funciona do que no que satisfaz a todos. Essas características tornam os analistas excelentes pensadores estratégicos, mas também causam dificuldades quando se trata de atividades sociais ou românticas.

Diplomatas (tipos Intuitivo e Sensação [_NF_], variantes Assertiva e Turbulenta)

Os diplomatas se concentram na empatia e cooperação, brilhando na diplomacia e no aconselhamento. As pessoas pertencentes a esse tipo de grupo são cooperativas e imaginativas, muitas vezes desempenhando o papel de harmonizadores em seus locais de trabalho ou círculos sociais. Essas características tornam os diplomatas afetuosos, empáticos e influentes, mas também causam problemas quando há necessidade de confiar exclusivamente na racionalidade fria ou tomar decisões difíceis.

Sentinelas (tipos Observador e Julgador [_S_J], variantes Assertiva e Turbulenta)

Os sentinelas são cooperativos e altamente práticos, abraçando e criando ordem, segurança e estabilidade aonde quer que vão. As pessoas pertencentes a um desses tipos tendem a ser muito trabalhadoras, meticulosas e tradicionais, e se destacam em campos logísticos ou administrativos, especialmente aqueles que dependem de hierarquias e regras claras. Esses tipos de personalidade seguem seus planos e não evitam tarefas difíceis – no entanto, eles também podem ser muito inflexíveis e relutantes em aceitar pontos de vista diferentes.

Exploradores (tipos observador e de prospecção [_S_P], variantes assertivas e turbulentas)

Esses tipos são os mais espontâneos de todos e também compartilham a capacidade de se conectar com os arredores de uma maneira que está além do alcance de outros tipos. Os exploradores são utilitários e práticos, brilhando em situações que exigem reação rápida e capacidade de pensar em seus pés. Eles são mestres em ferramentas e técnicas, usando-os de muitas maneiras diferentes – desde o domínio das ferramentas físicas até a convencimento de outras pessoas. Não é de surpreender que esses tipos de personalidade sejam insubstituíveis em crises, artesanato e vendas – no entanto, seus traços também podem levá-los a empreender empreendimentos arriscados ou a se concentrar apenas em prazeres sensuais.

Estratégias

A camada Estratégia mostra nossas maneiras preferidas de fazer as coisas e alcançar objetivos. Existem quatro estratégias:

Individualismo confiante (tipos introvertidos e assertivos [I ___- A])

Individualistas confiantes preferem fazer as coisas sozinhos, optando por confiar em suas próprias habilidades e instintos, em vez de procurar contato com outras pessoas. Eles sabem no que são bons e têm alta autoconfiança. Esses tipos de personalidade acreditam firmemente que a responsabilidade pessoal e a confiança em si mesmo são valores muito importantes. Individualistas confiantes não prestam muita atenção às opiniões de outras pessoas e preferem confiar em si mesmos.

Domínio de pessoas (tipos extrovertidos e assertivos [E ___- A])

Os Mestres de Pessoas buscam contato social e tendem a ter muito boas habilidades de comunicação, sentindo-se à vontade em eventos sociais ou em situações em que precisam confiar ou direcionar outras pessoas. Esses tipos confiam em suas habilidades e não hesitam em expressar suas opiniões. Desempenhar um papel ativo na sociedade e saber o que faz as outras pessoas funcionarem significam muito para o People Masters; no entanto, eles não estão muito preocupados com o que as outras pessoas pensam sobre eles.

Melhoria constante (tipos introvertidos e turbulentos [I ___- T])

Os melhoradores constantes são pessoas quietas e individualistas. Eles tendem a ser perfeccionistas e orientados para o sucesso, geralmente gastando muito tempo e esforço para garantir que o resultado de seu trabalho seja o melhor possível. Como o próprio nome diz, os constantes melhoradores são indivíduos de alto desempenho dedicados ao seu ofício – no entanto, eles também tendem a se preocupar muito com seu desempenho.

Engajamento social (tipos extrovertidos e turbulentos [E ___- T])

A última estratégia é adotada por tipos sociáveis, energéticos e orientados para o sucesso. Os engajadores sociais tendem a ser indivíduos inquietos e perfeccionistas, propensos a experimentar emoções muito positivas e muito negativas. Sua curiosidade e vontade de trabalhar duro também significam que eles geralmente são de alto desempenho, mesmo que sejam pessoas bastante sensíveis. Tipos que favorecem essa estratégia também tendem a dar muita importância às opiniões de outras pessoas; eles valorizam seu status social e estão ansiosos para ter sucesso em tudo o que fazem.

Tabela de tipos

Esta tabela mostra todos os tipos possíveis, juntamente com seus papéis e estratégias:

image

Os tipos de personalidades

E aqui, temos todos tipos de personalidade que são divididos em quatro grupos, cada grupo com quatro personalidades e além de cinco aspectos da personalidade que vimos anteriormente.

Analistas

  • Arquiteto: INTJ-A / INTJ-T

Pensadores criativos e estratégicos, com um plano para tudo.

  • Lógico: INTP-A / INTP-T

Criadores inovadores com uma sede insaciável por conhecimento.

  • Comandante: ENTJ-A / ENTJ-T

Líderes ousados, criativos e enérgicos, sempre dando um jeito em tudo.

  • Inovador: ENTP-A / ENTP-T

Pensadores espertos e curiosos que não resistem um desafio intelectual.

Diplomatas

  • Advogado: INFJ-A / INFJ-T

Idealistas quietos e místicos, porém muito inspiradores e incansáveis.

  • Mediador: INFP-A / INFP-T

Pessoas poéticas, bondosas e altruístas, sempre prontas para ajudar uma boa causa.

  • Protagonista: ENFJ-A / ENFJ-T

Líderes inspiradores e carismáticos, que conseguem hipnotizar sua audiência.

  • Ativista: ENFP-A / ENFP-T

Espíritos livres, criativos, sociáveis e entusiásticos, sempre encontrando uma razão para sorrir.

Sentinelas

  • Logístico: ISTJ-A / ISTJ-T

Indivíduos práticos e extremamente confiáveis.

  • Defensor: ISFJ-A / ISFJ-T

Protetores dedicados e acolhedores, estão sempre prontos para defender seus amados.

  • Executivo: ESTJ-A / ESTJ-T

Administradores excelentes, inigualáveis em gerenciar coisas – ou pessoas.

  • Cônsul: ESFJ-A / ESFJ-T

Pessoas extraordinariamente atenciosas, sociais e populares, sempre prontas para ajudar.

Exploradores

  • Virtuoso: ISTP-A / ISTP-T

Experimentadores práticos e ousados, mestres em todos tipos de ferramentas.

  • Aventureiro: ISFP-A / ISFP-T

Artistas flexíveis e charmosos, sempre prontos para explorar e experimentar algo novo.

  • Empresário: ESTP-A / ESTP-T

Pessoas inteligentes, enérgicas e perceptivas, que realmente gostam de arriscar.

  • Animador: ESFP-A / ESFP-T

Animadores entusiasmados, enérgicos e espontâneos – a vida nunca fica entediante perto deles.

Para uma melhor compreensão, acessar:

https://www.portalraizes.com/estudo-define-16-tipos-de-personalidade-qual-e-a-sua/

MBTI

Agora, daremos uma olhada nessa teoria que é a predecessora dos 16 tipos de personalidades, o MBTI.

Origem

O MBTI, o Indicador tipológico de Myers-Briggs, foi desenvolvido por mais de quarenta anos por Isabel Briggs Myers e sua filha, Katharine Cook Briggs, uma ferramenta que nos permite classificar os diferentes tipos de personalidades e as características psicológicas mais dominantes nessa pessoa, analisando se ela é introvertida ou extrovertida, e se apoiando também nas quatro funções psicológicas principais, descrita na teoria conceitual de Carl Gustav Jung, das quais uma predomina durante a maior parte da vida da pessoa.

As teorias de Jung afirmam existir uma sequência de quatro funções cognitivas: Racionalidade, Emoção, Sensação e Intuição, estando cada uma delas orientada a um polo: Extroversão ou Introversão, resultando num total de oito funções dominantes.

No livro, Jung propôs quatro funções principais da consciência:

Duas funções não racionais: Sensação e Intuição

Duas funções racionais: Pensar e Sentir

Já o MBTI expande esse conceito, nos permitindo determinar a função dominante a função auxiliar de cada pessoa, e destaca as preferências de acordo com quatro eixos:

  • Introversão (I) e Extroversão (E) – orientação da energia: é a função auxiliar do sujeito. Importante: não se trata de ser aberto ou tímido, mas de ter como fonte de energia o mundo exterior ou o mundo interior.
  • Sensação (S) e Intuição (N) – recopilação de informação: é o modo pelo qual a pessoa prioriza a recopilação da informação. Sempre haverá uma função dominante e outra auxiliar.
  • Racionalidade (T) e Emoção (F) – tomada de decisões: é o modo como a pessoa trata a informação. Neste caso também existe uma função dominante e outra auxiliar.
  • Juízo (J) e Percepção (P) – modo de ação: é a função principal da pessoa. Este eixo sempre será extrovertido.

Para saber mais acessem: https://br.mundopsicologos.com/artigos/16-tipos-de-personalidade-segundo-o-mbti-qual-e-o-seu

A verdade é que eu poderia continuar discorrendo por esse assunto por dias, entretanto, percebi que existem diferenças entre alguns modelos de tipos de personalidade. O interessante aqui é nos atermos às características do indivíduos e expandir nosso entendimento da psicologia humana, por isso pularemos para nosso próximo tópico.

Os cinco grandes traços de personalidade

Os cinco grandes traços de personalidade, também usado nos 16 tipos de personalidade, acontece quando a análise fatorial (uma técnica estatística) é aplicada aos dados da pesquisa de personalidade, algumas palavras usadas para descrever aspectos da personalidade são frequentemente aplicadas à mesma pessoa. Por exemplo, alguém descrito como consciente é mais provável de ser descrito como “sempre preparado” em vez de “confuso”. Essa teoria baseia-se, portanto, na associação entre palavras, mas não em experimentos neuropsicológicos. Essa teoria usa descritores de linguagem comum e, portanto, sugere cinco amplas dimensões comumente usadas para descrever a personalidade e a psique humanas.

Os cinco fatores são:

Os cinco fatores

Abertura à experiência

A abertura é uma apreciação geral da arte, emoção, aventura, idéias incomuns, imaginação, curiosidade e variedade de experiências. As pessoas abertas à experiência são intelectualmente curiosas, abertas à emoção, sensíveis à beleza e dispostas a experimentar coisas novas. Eles tendem a ser, quando comparados às pessoas fechadas, mais criativos e mais conscientes de seus sentimentos. Eles também são mais propensos a ter crenças não convencionais. A alta abertura pode ser vista como imprevisibilidade ou falta de foco e é mais provável que se envolva em comportamentos de risco ou uso de drogas. Além disso, diz-se que indivíduos com alta abertura buscam a auto-atualização especificamente buscando experiências intensas e eufóricas. Por outro lado, aqueles com baixa abertura procuram obter satisfação através da perseverança e são caracterizados como pragmáticos e orientados por dados – às vezes até percebidos como dogmáticos e de mente fechada. Ainda existe alguma discordância sobre como interpretar e contextualizar o fator de abertura.

Exemplos:

  • Eu tenho excelentes idéias.
  • Eu sou rápido para entender as coisas.
  • Eu uso palavras difíceis.
  • Eu estou cheio de idéias.
  • Não estou interessado em abstrações. ( invertido )
  • Eu não tenho uma boa imaginação. ( invertido )
  • Tenho dificuldade em entender idéias abstratas. ( invertido )

Consciência

A consciência é uma tendência a mostrar autodisciplina, agir obedientemente e lutar pela conquista contra medidas ou expectativas externas. Está relacionado à maneira pela qual as pessoas controlam, regulam e dirigem seus impulsos. Alta consciência é muitas vezes percebida como teimosa e focada. A baixa consciência está associada à flexibilidade e espontaneidade, mas também pode aparecer como negligência e falta de confiabilidade. Altas pontuações em consciência indicam uma preferência pelo comportamento planejado, em vez de espontâneo. O nível médio de consciência aumenta entre os adultos jovens e depois diminui entre os adultos.

Exemplos:

  • Eu estou sempre preparado.
  • Presto atenção aos detalhes.
  • Eu faço as tarefas imediatamente.
  • Eu gosto de ordem.
  • Eu sigo uma programação.
  • Eu sou exigente no meu trabalho.
  • Eu nunca esqueço meus pertences.
  • Eu sempre acabo sendo útil para a maioria das coisas.
  • Lembro-me frequentemente de onde coloquei minhas coisas pela última vez.
  • Eu dou atenção aos meus deveres.

Extroversão

A extroversão é caracterizada pela amplitude das atividades (em oposição à profundidade), pela emergência de atividades/situações externas e pela criação de energia por meios externos. A característica é marcada por um pronunciado envolvimento com o mundo externo. Os extrovertidos gostam de interagir com as pessoas e geralmente são vistos como cheios de energia. Eles tendem a ser indivíduos entusiasmados, orientados para a ação. Eles possuem alta visibilidade do grupo, gostam de conversar e se afirmam. Pessoas extrovertidas podem parecer mais dominantes em ambientes sociais, em oposição a pessoas introvertidas nesse ambiente.

Os introvertidos têm menor envolvimento social e níveis de energia do que os extrovertidos. Eles tendem a parecer calmos, discretos, deliberados e menos envolvidos no mundo social. Sua falta de envolvimento social não deve ser interpretada como timidez ou depressão; ao contrário, são mais independentes de seu mundo social do que os extrovertidos. Os introvertidos precisam de menos estímulo e mais tempo sozinhos que os extrovertidos. Isso não significa que eles não sejam amigáveis ​​ou anti-sociais; ao contrário, eles são reservados em situações sociais.

Geralmente, as pessoas são uma combinação de extroversão e introversão, com o psicólogo da personalidade Eysenck sugerindo que essas características estão ligadas de alguma forma ao nosso sistema nervoso central.

Exemplo:

  • Eu sou a vida do partido.
  • Eu não me importo de ser o centro das atenções.
  • Eu me sinto confortável com as pessoas.
  • Eu começo conversas.
  • Eu falo com muitas pessoas diferentes em festas.
  • Eu não falo muito ( invertido )
  • Penso muito antes de falar ou agir. ( invertido )
  • Não gosto de chamar atenção para mim. ( invertido )
  • Eu estou quieto perto de estranhos. ( invertido )
  • Não tenho intenção de falar em grandes multidões. ( invertido )

Agradabilidade

O traço de agradabilidade reflete diferenças individuais na preocupação geral com a harmonia social. Indivíduos agradáveis ​​valorizam o convívio com os outros. Eles geralmente são atenciosos, gentis, generosos, confiantes e confiáveis, prestativos e dispostos a comprometer seus interesses com os outros. Pessoas agradáveis ​​também têm uma visão otimista da natureza humana.

Indivíduos desagradáveis ​​colocam o interesse próprio acima de se dar bem com os outros. Eles geralmente não se preocupam com o bem-estar dos outros e são menos propensos a se estender para outras pessoas. Às vezes, seu ceticismo sobre os motivos dos outros faz com que sejam suspeitos, hostis e não cooperativos. As personalidades de baixa aceitação são geralmente pessoas competitivas ou desafiadoras, o que pode ser visto como argumentativo ou não confiável.

Exemplo:

  • Eu estou interessado em pessoas.
  • Eu simpatizo com os sentimentos dos outros.
  • Eu tenho um coração mole.
  • Eu tiro um tempo para os outros.
  • Sinto as emoções dos outros.
  • Eu faço as pessoas se sentirem à vontade.
  • Eu realmente não estou interessado nos outros. ( invertido )
  • Eu insulto as pessoas. ( invertido )
  • Não estou interessado nos problemas de outras pessoas. ( invertido )
  • Sinto pouca preocupação pelos outros. ( invertido )

Neuroticismo

Neuroticismo é a tendência a experimentar emoções negativas, como raiva, ansiedade ou depressão. Às vezes é chamado de instabilidade emocional, ou é revertida e referida como estabilidade emocional. Segundo a teoria da personalidade de Eysenck (1967), o neuroticismo está interligado com baixa tolerância ao estresse ou estímulos aversivos.

Aqueles com uma pontuação alta em neuroticismo são emocionalmente reativos e vulneráveis ​​ao estresse, também tendendo a ser irreverentes na maneira como expressam emoção. Eles são mais propensos a interpretar situações comuns como ameaçadoras, e pequenas frustrações como irremediavelmente difíceis. Suas reações emocionais negativas tendem a persistir por períodos incomumente longos, o que significa que geralmente estão de mau humor. Por exemplo, o neuroticismo está conectado a uma abordagem pessimista em relação ao trabalho, à confiança de que o trabalho impede relações pessoais e à aparente ansiedade ligada ao trabalho.

Aqueles com alta pontuação no neuroticismo podem exibir mais reatividade à condutância da pele do que aqueles com baixa pontuação no neuroticismo. Esses problemas na regulação emocional podem diminuir a capacidade de uma pessoa com alto nível de neuroticismo de pensar com clareza, tomar decisões e lidar efetivamente com o estresse. A falta de satisfação nas realizações da vida de alguém pode se correlacionar com altos escores de neuroticismo e aumentar a probabilidade de alguém cair em depressão clínica. Além disso, indivíduos com alto nível de neuroticismo tendem a experimentar mais eventos negativos da vida e tendem a ter pior bem-estar psicológico.

No outro extremo da escala, os indivíduos com baixa pontuação em neuroticismo ficam menos chateados e são menos reativos emocionalmente. Eles tendem a ser calmos, emocionalmente estáveis ​​e livres de sentimentos negativos persistentes. A ausência de sentimentos negativos não significa que os pontuadores baixos experimentem muitos sentimentos positivos.

O neuroticismo é semelhante, mas não idêntico, ao neurótico no sentido freudiano (isto é, neurose). Alguns psicólogos preferem chamar neuroticismo pelo termo instabilidade emocional para diferenciá-lo do termo neurótico em um teste de carreira.

Exemplos:

  • Fico irritado facilmente.
  • Fico estressado facilmente.
  • Fico chateado facilmente.
  • Eu tenho mudanças de humor frequentes.
  • Eu me preocupo com as coisas.
  • Estou muito mais ansioso do que a maioria das pessoas.
  • Eu estou relaxado a maior parte do tempo. ( invertido )
  • Raramente me sinto triste. ( invertido )

Para mais informações, porque o assunto é tão extenso que daria um livro, acesse: https://translate.google.com.br/translate?sl=auto&tl=pt&u=https%3A%2F%2Fen.wikipedia.org%2Fwiki%2FBig_Five_personality_traits

Conclusão

Agora, eu queria deixar claro que existem milhares de modelos de personalidades, sendo que eu nem toquei no assunto de como a vivência de uma pessoa e em como a infância de um indivíduo afeta o jeito que ela se comporta perante o mundo. Eu gostaria que esse post fosse utilizado não como um guia ou lei fixa, e sim como um material de consulta quando as ideias para construção de personagem falharem. Obrigada a todos que leram e continuam lendo meus textos e saibam que esses post que veem a cada lua cheia são apenas resultados de pesquisas que deixo aqui registradas como um diário de aprendizado. Eu espero que vocês estejam aprendendo tanto quanto eu.

Até a próxima.

Fonte

https://www.os16tipos.com/home

https://br.mundopsicologos.com/artigos/16-tipos-de-personalidade-segundo-o-mbti-qual-e-o-seu

https://en.wikipedia.org/wiki/Big_Five_personality_traits

https://www.lifehack.org/articles/lifestyle/the-10-essential-habits-of-positive-people.html

https://translate.google.com.br/translate?sl=auto&tl=pt&u=https%3A%2F%2Fen.wikipedia.org%2Fwiki%2FBig_Five_personality_traits

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.